sexta-feira, 28 de maio de 2010

PÓS GRADUAÇÃO EM ANTROPOLOGIA INTERCULTURAL

*
Área de Conhecimento (CNPQ): 7.03.01.00-00 – Antropologia

Temos o prazer de informar o início da ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM ANTROPOLOGIA INTERCULTURAL a ser realizada em Manaus, Amazonas.

Este curso é uma iniciativa da parceria entre a  UNIEVANGELICA e o INSTITUTO ANTROPOS e tem como principal alvo investir na qualificação de missionários, pastores e pesquisadores a frente de projetos e ministérios no Norte do país, sobretudo em ambiente intercultural ribeirinho e indígena.

É uma PÓS GRADUAÇÃO:

- Em sistema modular a fim de proporcionar maior oportunidade para quem não reside em Manaus ou precisa combinar diferentes atividades
- Organizada em 6 disciplinas, com um total de 375 h/a e orientação para o desenvolvimento do trabalho final (TCC)
- Ministrada por professores mestres e doutores em suas áreas de estudo.

PARA MAIORES INFORMAÇÕES, CLIQUE AQUI.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Leia os últimos textos publicados no blog Equattoria

*
 

O blog Equattoria é um blog irmão do Veredas, que criei para publicar informações que se poderiam dizer mais 'técnicas' sobre os saberes úteis a missionários, estudiosos e demais interessados - informações sobre povos, países, línguas, religiões, geografia, antropologia, curiosidades... 
Visite sempre e seja também um seguidor do Equattoria, para estar constantemente atualizado sobre o que é publicado lá. Dê uma olhada nas últimas postagens:

O tradutor eletrônico do Google e a rápida evolução dos tradutores

Mapas Ipea: Site interativo traz dados de municípios brasileiros

Racha entre os Sikhs. Surge uma nova religião?

Apostila: Noções Básicas de Cartografia

Diferenças entre o Budismo e o Cristianismo

Kibera - Maior Favela da África em Nairobi - Quênia

16 fotos da China

ALUKA: uma biblioteca digital sobre a África

Fazendo missões como profissionais biocupacionais

Conheça o Suriname

Alguns números a respeito do Mundo Muçulmano

Como evitar deslizamentos

Alfabetos - Sistemas de Escrita

Mudança de realidade

Segundo o Datafolha, 25% dos brasileiros são evangélicos

Aplicativo gratuito do Joshua Project para iPhone, iPod e iPad fornece dados sobre povos não alcançados

Globetrotter XL : Um super jogo online de geografia

Línguas Africanas no Brasil

sexta-feira, 21 de maio de 2010

SBB lança Novo Testamento Chinês-Português este mês

*

Uma obra inédita, desenvolvida pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB), está sendo aguardada com muita expectativa. Trata-se do Novo Testamento, Salmos e Provérbios Chinês-Português, que reúne, numa edição primorosa, dois dos idiomas mais falados em todo o mundo. Editada em conjunto com a Sociedade Bíblica de Hong Kong, esta publicação utiliza as duas traduções mais apreciadas pelas populações da China e do Brasil: Revised Chinese Union Version (RCUV) – em mandarim com escrita simplificada – e Almeida Revista e Atualizada (RA), respectivamente. Cada uma das traduções, apresentadas lado a lado, foi feita a partir dos textos originais e reflete fielmente a mensagem bíblica. 
O lançamento do NT Chinês-Português acontecerá no dia 23 de maio, às 15h, na Primeira Igreja Presbiteriana Independente de São Paulo, na capital paulista. O culto poderá ser acompanhado ao vivo, via internet, pelo link www.catedralonline.com.br (clicar no ícone “culto ao vivo”).

A obra pode ser considerada um símbolo da união desses dois países, além de apontar para a importância dos dois idiomas no cenário internacional: o português, dominante entre cerca de 250 milhões de pessoas, ocupa a 6ª posição no ranking dos idiomas mais falados no mundo; e o mandarim, que é utilizado por mais de 1,3 bilhão de pessoas, e configura-se no idioma mais falado do planeta. 
“Unir dois idiomas tão diferentes e lançar o Novo Testamento bilíngue Chinês- Português foi a meta que as Sociedades Bíblicas do Brasil e de Hong Kong assumiram e hoje comemoram a realização de mais esse projeto”, afirma o secretário de Tradução e Publicações da SBB, Paulo Teixeira. A edição conservou as características editoriais das traduções em mandarim e em português. Com isso, o leitor poderá encontrar pequenas diferenças na divisão das seções, o que, no entanto, não prejudica a compreensão da mensagem bíblica no seu todo. 
Para Teixeira, o lançamento – desenvolvido a pedido das igrejas cristãs chinesas do Brasil – representa, sobretudo, um importante avanço na consolidação da fé de uma comunidade em constante crescimento. “É missão da Sociedade Bíblica do Brasil levar a Palavra de Deus a todas as pessoas. Ao preencher mais esta lacuna em nossa sociedade, sentimo-nos recompensados e estimulados a continuar nossa tarefa”, resume.

Com 1,3 bilhão de habitantes, a China apresenta números grandiosos relacionados à sua população: um em cada cinco habitantes do planeta vive na China, representando um quinto da população mundial, estimada em 6,5 bilhões de habitantes. Sozinha, a China tem uma população duas vezes maior do que a da Europa inteira. Mais de 30% das pessoas com idade acima de 16 anos se denominam religiosos, quatro vezes mais do que há uma década. 

Conforto e evangelização

A importância desta edição bilíngue é destacada por líderes religiosos chineses residentes no Brasil. “É o instrumento eficaz da própria Palavra de Deus para evangelização, especialmente para o chinês que vem da China, para ler nas horas vagas. Quando eles chegam aqui sofrem de muita solidão, não falam e não entendem o português”, diz Wu Tu Hsing, médico da Universidade de São Paulo (USP) e pastor da Igreja Presbiteriana de Formosa no Brasil Tai-an (Grande Paz). Assim como os cristãos chineses que vêm para o Brasil, os brasileiros que fazem o caminho inverso também são alvo desta nova publicação. 
Outro grupo que poderá se beneficiar com a novidade são os brasileiros que estudam mandarim, como endossa Chang Lien Chuan, pastor da Igreja Cristã Pão da Vida: “Essa edição é muito importante para a geração nova que fala mandarim e também para os brasileiros que estão em contato com a língua. Foi feita na hora certa para abençoar a população. E se vier a Bíblia completa, melhor ainda”, arremata. 

Culto Bilíngue de Ação de Graças pelo lançamento do NT, Salmos e Provérbios Português-Chinês
Data: 23 de maio de 2010 (Domingo).
Local: Primeira Igreja Presbiteriana Independente de São Paulo – Rua Nestor Pestana, 136.
Horário: Das 15h às 17h.
Mensagem e apresentação: Paulo Teixeira, secretário de Tradução e Publicações da SBB.
Louvor: Coral da Igreja Presbiteriana de Formosa no Brasil Tai-An (Grande Paz) – Hinos em chinês e português, alternados.
Obs.: Para acompanhar o culto ao vivo, pela internet, acesse www.catedralonline.com.br (clicar no ícone “culto ao vivo”)

Fonte: Site da Sociedade Bíblica do Brasil

segunda-feira, 17 de maio de 2010

O desafio nas secretarias de missões e conselhos missionários

*

Josiléia Ferreira Neves

Sem dúvida, grande parte do trabalho missionário acontece por causa do trabalho sério e comprometido das secretarias de missões e conselhos missionários das Igrejas locais.
Sem este trabalho pouco, bem pouco ao meu ver seria feito.
Afinal os servos que servem nas secretarias e nos conselhos missionários buscam levar despertamento, envolvimento, compromisso da Igreja com missões; buscam também, apoiar o missionário e direcionar bem as ofertas missionárias, além de buscar identificar e apoiar os candidatos a missões, pois é para isto que existe os conselhos e secretarias de missões, pois as mesmas são e devem ser apenas um 'braço' na atuação missionária da Igreja, visto que a obra missionária é uma obra pra toda a Igreja unida fazer.
Logo, é claro a importância das secretarias e dos conselhos missionários.
Aqueles que neles trabalham precisam ter amor por missões e é claro ser chamado por Deus.
Mas manter uma secretaria, um conselho missionário ativo, produtivo, gerando resultados na Igreja e por conseqüência no campo missionário, tem se tornado em alguns lugares um verdadeiro 'DESAFIO'
Por que? Porque muitos não tem recebido o apoio pleno do Pastor. Então realizar um momento missionário, um culto de missões, arrecadar e direcionar uma oferta missionária pro campo, realizar uma Conferência Missionária torna-se uma tarefa difícil, pesada e as vezes quase impossível. Quantos tem chorado frente a esses trabalhos quando o 'momento missionário' foi 'esquecido' quando 'não há vaga na agenda' pro culto de missões. Quando a oferta missionária (pasmem!) não foi direcionada pra missões!
Quando ouvem: 'não temos dinheiro para fazer missões' ou ainda aquela tão dura: 'temos que trazer o missionário de volta por causa das obras da Igreja' (isto quando tem missionário no campo).
Talvez você que lê este artigo esteja vivendo algo semelhante, e esteja pensando em desistir. Por favor, não faça isto!
Ao contrário persevere em submissão a seu Pastor, em oração e fazendo o que lhe for possível.
Pois Deus não lhe cobrará o que você não pode fazer. Lembre-se: 'tudo o que te vier às mãos para fazer, faze-o conforme as tuas forças.'
Pense se o trabalho missionário está fraco na sua Igreja, se for deixado de ser feito então ele morrerá, mas se é apenas uma fraca brasinha vá soprando, vá pondo gravetinhos, porque o Espírito Santo de Deus é poderoso para assoprar e fazer acender uma grande fogueira.
Se não puder levantar finanças para o campo missionário, levante inter-cessores, despertem a paixão por missões. Ore, faça o melhor que você puder, pois fazendo assim você poderá ao lado de Jesus, vencer este desafio. Mas se simplesmente, desistir, o desafio terá vencido.
Mas nós somos chamados para preservar, para batalhar, para sermos com Cristo, vitoriosos.!
É tempo de renovar os ânimos e continuar trabalhando por missões, divulgando, espalhando a semente missionária e amando esta obra.

Fonte: http://www.semipa.org.br

domingo, 16 de maio de 2010

Parceria possibilitará Bíblia para surdos em vídeo


A parceria entre a Wycliffe Associates e a Surdos Opportunity International Outreach possibilitará a tradução da Bíblia para a língua de sinais para milhões de pessoas que não têm acesso às Sagradas Escrituras.

As equipes de tradutores de várias nações trabalham para transformar a Bíblia para o formato de vídeo. "Ser cego, separa pessoas das coisas, mas ser surdo separa pessoas das pessoas. Nós queremos ter certeza de que o ser surdo não vai separá-lo de Deus", explicou Bruce Smith, presidente da Wycliffe Associates.

Ao contrário da crença popular, muitas pessoas que usam línguas de sinais não conseguem ler as Escrituras. Além disso, as línguas de sinais não são baseadas na língua falada no país de origem. A pessoa da América Latina, para exemplo, não estaria assinando em espanhol, mas em suas próprias expressões.

De acordo com a Wycliffe Associates, existem mais de 200 línguas de sinais identificados sendo usadas no mundo e cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo se comunicando com a linguagem de sinais. Nenhuma outra língua de sinais conhecida no mundo tem a Bíblia em forma completa.

Apesar da necessidade de alcançar pessoas surdas, existem poucas línguas gestuais sendo usados para ensinar as Escrituras. Somente as pessoas que utilizam a Língua Gestual Americana têm o Novo Testamento, em formato vídeo. A gravação de vídeo do Antigo Testamento está em andamento.

Wycliffe Associates enviou voluntários para construção de San Jose, Costa Rica, onde completou a remodelação de um edifício que será usado como um estúdio para gravar a conversão de vídeo.

O grupo pretende construir mais dois estúdios na América Latina e tantos como dez estúdios mais nos próximos anos para ajudar as traduções em línguas de sinais.

Fonte: Christian News Today | CPADNews
Via http://interdenominacional.com.br

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Antologia de Poesia Missionária

*
 

Amados irmãos, é com grande alegria que apresentamos e disponibilizamos para download gratuito o livro eletrônico Antologia de Poesia Missionária.

A obra, organizada por Sammis Reachers, editor dos blogs Poesia Evangélica e Veredas Missionárias (entre outros), reúne belíssimos poemas de, sobre e para Missões, da lavra de diversos poetas evangélicos. O livro (de 108 págs. em formato PDF) traz ainda, como Apêndice, uma seleção de frases sobre Missões e Evangelismo.

Além de ser um subsídio devocional para edificação de toda a igreja, o livro objetiva ser uma ferramenta de auxílio a promotores de missões, pastores e missionários de todas as denominações, com poemas para serem declamados em cultos e eventos missionários, e publicados em sites, blogs, jornais e informativos de igrejas, missões e etc.

Baixe gratuitamente o livro, leia e compartilhe com seus irmãos. O livro não pode ser vendido, mas você pode redistribuí-lo eletronicamente, ou imprimi-lo para uso próprio ou distribuição a interessados.

E mais: Se você possui blog ou site, ou é responsável por site institucional (de Igrejas, Missões, Agências Missionárias, Ongs, etc.), convido-lhe a disponibilizar este livro a partir do mesmo, ajudando a promover o amor pela obra missionária, e edificando seus leitores. Não é preciso autorização prévia para isso, nem é necessário me comunicar.

PARA BAIXAR O LIVRO, Clique Aqui.

E se você está numa lan house que não o permite, ou por qualquer outro motivo não pode fazer o download, leia o livro online, Clicando Aqui.

Que o Senhor nosso Deus lhe abençoe, e una-nos cada vez mais no objetivo de alcançar os inalcançados, estejam eles próximos ou distantes.

Um fraterno abraço de seu irmão e conservo Sammis Reachers

quarta-feira, 5 de maio de 2010

SIMPLESMENTE MÁRCIA...

*
 Joed Venturini

A noite já se tornara madrugada quando a sede me acordou. Estava de férias da faculdade de medicina que fazia em Lisboa e aproveitava uns dias em casa de meus pais, em Barcelos, norte de Portugal. Fui à cozinha buscar água e no caminho passei pela porta da sala. Vi então uma cena que todo filho deveria poder ver pelo menos uma vez na vida. Mamãe estava ajoelhada em frente a um sofá, com a cabeça pousada suavemente sobre a almofada e orava. Para evitar o sono ela orava em voz baixa porém audível. No momento em que passei na frente da entrada da sala ouvi meu nome sair de seus lábios. Era madrugada ainda, mas mamãe já orava. Orava por muita gente, por muitas coisas. Orava por mim!

Marcia Venturini de Souza, é o nome de mamãe. Ela não tem cursos, nem títulos ou posições. Nunca foi doutora, mestra, pastora ou outra coisa assim. Simplesmente Márcia. Mas, que Márcia! Onde esteve deixou saudades profundas e marcas indeléveis. Mamãe tinha o dom de conquistar. Um sorriso meio tímido, uma boa voz de contralto, e uma simpatia natural, pura, genuína, sem enganos ou tentativas de agradar. Mas era quando contava hstórias que ela se transformava!  Bastavam duas crianças e a paixão dela subia como um vulcão.  Mamãe era capaz de contar histórias como ninguém!  Ela fazia 3, 4 até 5 vozes diferentes, voz de criança, de idoso, de homens bravos ou medrosos apenas mudando o tom, o jeito e até acrescentando um certo tremor na voz. Dava vida aos cenários, encontrava os pormenores mais incríveis e tornava tudo mágico e especial. Quem alguma vez ouviu mamãe contar uma história nunca mais esqueceu.

Após 15 anos morando fora de Portugal voltei ao país. Onde vou as pessoas me falam da Márcia. A maioria com lágrimas nos olhos. Mamãe tinha caracteristicas que fazem falta em nosso mundo e em todas as mães.  Em primeiro lugar ela era uma mulher de Deus. A vida espiritual para mamãe não era algo para apenas alguns dias, era diário, constante, permanente. Ela não filosofava, não se preocupava com discussão doutrinária. Apenas vivia com Deus e para Deus a cada momento. Respirava essa relação e transmitia realidade ao contato espiritual, o que nos marcava profundamente.

Mamãe era uma missionária que amava missões de todo coração!  Ela não se limitava a estar no campo missionário e trabalhar. Ela amava as histórias misionárias, os heróis de missões, tudo que fosse relacionado com o alcance daqueles que ainda não conheciam seu Mestre amado. Ela nos fazia entender que não havia nada mais valioso neste mundo que levar alguém a Jesus e que tudo o mais era passageiro e fugaz.

Mamãe era incansável! Fazia 2 e 3 coisas ao mesmo tempo e fazia parecer que era fácil. No meio de tantas atividades  preparava um almoço gostoso e ainda era capaz de fazer uma sobremesa saborosa que ela mesma nem podia comer, por causa de sua diabetes. Ela nunca reclamava, apesar dos seus vários problemas de saúde. Quando mamãe precisava parar e se deitava era melhor correr para o hospital porque era grave. Mas, para ela os outros estavam sempre em primeiro lugar.

Mamãe não escondia que a vida do obreiro era dificil e dolorosa. Seu grande amor foi traído muitas vezes por pessoas a quem se dedicara com sacrificio. Se minha irmã e eu seguimos para os campos missionários não foi por ilusão de facilidades ou de glória.  Aprendemos com nossa mãe que a obra requer desprendimento material, entrega total e que muitas vezes ainda traz dor, lágrimas e sofrimento.
Mas também aprendemos com seu salmo favorito, o 126:
 "Aquele que leva a preciosa semente andando e chorando voltará sem dúvida
 com alegria trazendo consigo os seus molhos".
Apesar das muitas desilusões mamãe também deixou muitos apaixonados, de todas as idades e de várias raças diferentes.

Foi um grande privilégio ser filho de Márcia. Que falta que ela faz! Quando acompanhava seus últimos dias no hospital em Campinas, a médica que a atendia veio falar comigo.  Era uma professora universitária, acostumada a ver de tudo e experiente. Conhecia bem a medicina e estava familiarizada com a morte. Porém,quando me falou de mamãe, chorou. Ela me disse entre lágrimas: "Conheci sua mãe e depois de 20 minutos e já estava apaixonada por ela... não vamos deixar que ela sofra mais".  Mamãe era assim, ela sempre conquistava por sua beleza e simplicidade. E ela já não sofre mais. Desde 28 de fevereiro de 2007 que está na paz de seu querido mestre.

Depois que mamãe se foi já sonhei muitas vezes com ela. Numa dessas vezes tive um vislumbre de como pode estar. Eu a vi no céu, rodeada de crianças, contando uma história bíblica. As crianças a acompanhavam hipnotizadas, como sempre vi acontecer. A única diferença é que ela não estava usando figuras, apenas apontava para o personagem biblico alí perto e contava sua história. Ela estava feliz, muito feliz. Estava radiante! Estava onde nunca mais sofreria dor ou desilusão. Estava junto de seu amado Salvador onde será para sempre, simplesmente Márcia.

LER BIOGRAFIA

Fonte: http://joedventurini.blogspot.com/

__________________________________

Mais sobre o Dia das Mães

Em homenagem ao Dia das Mães, publiquei diversos textos relacionados à data, em alguns dos blogs que edito, ou onde colaboro. Dê uma olhada:

No Cidadania Evangélica: Conheças as Mães Sociais

No Poesia Evangélica: Dois poemas de Norma Penido sobre as Mães
No Azul Caudal: A mãe que teve mais filhos até hoje...
No Bradante: A figura materna pelo pincel de grandes pintores
No Imagens Cristãs: Imagens sobre Mães, de uso livre não-comercial para seu blog ou site

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...